Escrito por Marketing Ausland em

Planos de teste para homologação de um ERP

Ausland adota processos de teste certificados pela ISO 9001

Planos de teste adequados para homologação de ERP

Todo software precisa passar instruções detalhadas para o processador para que as ações esperadas sejam executadas. O computador não tem bom senso. Ele executa a tarefa para a qual foi instruído, mesmo que a instrução esteja errada. E quanto maior o software, maior o potencial de erros durante a programação.

Por isso é tão importante testar os aplicativos. Na Ausland, adotamos processos de teste e homologação de software certificados pela ISO 9001, para assegurarmos aos nossos clientes de que o sistema de gestão que está rodando nos computadores de sua empresa está livre de todos os erros considerados possíveis durante o uso planejado e esperado do sistema.

Resumidamente, o processo de testes e homologação ocorre da seguinte forma:

·         Primeiro, é feito um Teste Unitário, pelos próprios desenvolvedores. Nestes testes são analisadas as funções implementadas quanto a entradas e saídas esperadas. Este teste é realizado separadamente em cada arquivo fonte do sistema.

·         O Teste de Integração vem a seguir. Aqui, cada módulo é colocado à prova num ambiente que simula aquele de produção, em um grupo já previamente testado de outros módulos. Verificam-se incompatibilidades, se todos os módulos do software se comunicam adequadamente e como se comporta o sistema em situações de alto volume de requisições, em um ambiente já preparado para o teste.

·         Depois vem o Teste de Regressão, feito com ferramentas automatizadas, que gravam seus resultados. No Teste de Regressão, os sistemas são testados novamente quanto a erros já corrigidos em versões anteriores, a fim de prevenir a volta de erros e se certificar de que todos os módulos do sistema continuarão funcionando corretamente na nova versão. Este processo, mesmo sendo inteiramente automatizado, consome várias horas de processamento. O teste é realizado no sistema já integrado como um todo, de uma só vez, sendo mais abrangente que o Teste de Integração.

·         Uma vez testado o código, é realizado um Teste Funcional, no qual se analisa se os relatórios estão corretos,  se os valores de impostos estão sendo calculados adequadamente, se a legislação está corretamente atendida nos cálculos e se o arredondamento de valores ou a definição de prazos por software seguem aquilo que a legislação determina. Após esta etapa, o ERP está pronto para rodar.

Em qualquer dos casos, eventuais erros são documentados e devolvidos à equipe de desenvolvimento, que deve saná-los e, depois, enviar o software ou módulo para nova rodada de testes.

Em alguns casos, os clientes podem desejar realizar seus próprios testes. Nestes casos, a Ausland disponibiliza um ambiente específico para os mesmos, com dados reais ou criados especificamente para este fim.

Assine nossa Newsletter e fique por dentro de nossas novidades