Escrito por Ausland em

Como uma boa administração de estoques diferentes evita a perda de dinheiro

Um dos mais importantes recursos de uma empresa, com certeza, é o seu estoque. Afinal, a comercialização do que há no depósito é uma das principais bases de lucro do empreendimento. Por isso, uma boa administração do estoque é essencial para evitar a perda de dinheiro e desperdícios, além de aumentar a rentabilidade e otimizar processos. O equilíbrio entre os produtos no depósito e demanda dos clientes deve ser buscado constantemente.

Principais erros na administração de estoque

Para se ter uma gestão excelente no estoque é necessário conhecer os erros mais comuns cometidos. Confira os principais:

  1. Falta de comunicação e integração

Algumas organizações atuam com setores independentes, com objetivos distintos e sem pensar na estratégia da empresa como um todo. No caso da administração do estoque a integração entre os departamentos é fundamental, especialmente com a área do comercial, vendas e compras.

Com a comunicação entre os departamentos é possível entender a real demanda, fazer as compras adequadamente e programar o depósito para o recebimento da mercadoria.

  1. Comprar mais do que o necessário

Fazer a compra dos itens em excesso pode causar desperdícios, perdas de produtos, comprometer o espaço do depósito e o capital disponível do negócio. Outro motivo para os setores de estoque, vendas e compras estarem com a comunicação em dia, não é mesmo?

Saiba corretamente quais as consequências geradas pelo mau planejamento produtivo de uma empresa e entenda como contornar essa situação. Baixe já o nosso e-book gratuito:

  1. Não realizar inventários

Para alinhar todas as informações do seu estoque é necessário realizar inventários periódicos do setor. Este documento ajuda a identificar prováveis falhas rapidamente e ter tempo hábil de resolvê-los. A periodicidade deve ser definida pelo gestor do estoque, de acordo com a sua necessidade.

  1. Falta de atualização

Seja a entrada ou saída dos itens no estoque, qualquer atualização precisa ser realizada imediatamente. Demorar para fazer esta tarefa pode causar furos nos dados de controle do depósito, gerando grandes prejuízos.

Consequência da falta de administração de estoque

A falta de gestão no estoque pode gerar diversos problemas para as empresas, como:

  1. Não ter o produto desejado pelo cliente

Um cliente deseja ou comprou o seu produto, mas pela falta do controle de estoque ele não está disponível. Além de estremecer a relação com o consumidor, a empresa não conclui a venda e perde o lucro do produto.

  1. Produtos encalhados no depósito

Indo na contramão, o excesso de produtos disponíveis também pode gerar perda de produtos e dinheiro, como: passar da data de validade (no caso dos perecíveis), se tornaram obsoletos ou saíram de moda.

  1. Serviço “pobre” aos clientes

A reputação da empresa e o relacionamento com o seu público deve ser constantemente desenvolvida. A desatenção com a gestão do estoque pode gerar desconfiança por parte do consumidor, estremecendo a relação dele com a empresa, além de perder valiosas oportunidades de venda.

  1. Perda na eficácia e aumento nos gastos

Erros e desatenções no depósito podem custar caro ao seu negócio. Sem um controle em tempo real do seu estoque, muitos produtos podem ser danificados, destruídos ou até roubados, gerando desperdícios de itens e prejuízos financeiros.

Como melhorar a administração de estoques?

A boa notícia é que com algumas atitudes simples, a sua empresa consegue mudar o cenário e tornar este setor em altamente eficiente. Ficou curioso? Então, confira as nossas dicas para aumentar o controle no estoque e ter uma boa administração da área.

  1. Contabilize o inventário

O primeiro passo para uma boa administração do estoque é a precisão no inventário. É essencial contabilizar a quantidade de cada item no depósito. Uma boa ideia é usar uma parte da equipe do almoxarifado para fazer um inventário rotativo, com medições diárias. Com estes dados, você consegue ter uma boa visão da situação geral, tendo todas as informações necessárias para adotar medidas que melhoram os processos e evitam prejuízos financeiros.

  1. Previsão de demanda

Analise periodicamente as demandas do seu estoque. Com estes dados, o seu negócio consegue recalcular os parâmetros do planejamento. Esta atitude permite que o empreendimento não tenha desperdícios desnecessários e perca vendas ou boas oportunidades de parceria comercial.

  1. Saneamento dos estoques

Periodicamente separe os itens que estão se tornando obsoletos, perto da data de validade (no caso dos perecíveis) ou que não está com movimentação nos últimos meses. Depois que tiver com todos os produtos separados, aproveite para fazer uma promoção deles. Estoque parado só gera prejuízo e desperdícios. Com esta atitude, além de conseguir liberar um espaço no depósito, você consegue ter lucro com os descontos ou combos oferecidos aos clientes.

  1. Aposte no software de gestão

A tecnologia é a grande aliada da boa administração de estoque. Com um Sistema ERP, você consegue acompanhar em tempo real as alterações de entrada e saída no depósito, ceder permissão ao colaborador que pode dar baixa dos itens no sistema, controlar todo o giro do estoque e analisar quais os produtos que têm mais ou menos saída. A ferramenta coleta os dados com muito mais precisão, ajudando o gestor do setor a tomar decisões muito mais assertivas e eficientes.

Agora que você já conhece os principais erros da gestão no estoque, suas consequências e como melhorá-las, você já tem todo o conhecimento necessário para ter excelentes resultados no fim do mês. Conte com a Ausland para entender quais as ferramentas essenciais para o seu negócio crescer ainda mais e ser o líder na sua área.

Entenda como gerenciar corretamente a produção da sua empresa. Não perca esse material especial que fizemos para você:

Assine nossa Newsletter e fique por dentro de nossas novidades