Escrito por Ausland em

Como evitar gargalos na produção?

Saiba como acabar com os desperdícios e gerar mais lucro para a sua empresa.

Uma linha de produção industrial é composta por várias etapas que, em conjunto, formam o produto final. Entre estas etapas, temos identificação da demanda, planejamento, compra de matéria-prima, manufatura dos materiais, controle de qualidade, embalagem, armazenamento, estoque e vendas. Isto significa que são várias fases em que o processo pode dar errado, não é mesmo? Por conta disso, vamos falar sobre como evitar gargalos na produção.

O que são gargalos?

Antes de saber como evitar os gargalos, é preciso entender o que eles são e como podem afetar o seu negócio.

Desde o início da produção até a hora em que o produto chega às mãos do cliente, tudo precisa ser feito com precisão e eficiência. E como falamos acima, a linha de produção depende de várias etapas antes de chegar ao consumidor final. Se todas elas funcionam em conjunto e na mesma velocidade, o produto sai no prazo determinado, na quantidade definida e com a qualidade desejada. Contudo, se há uma diminuição na produção em uma das fases ou qualquer outra interferência, toda a cadeia produtiva fica prejudicada. Podendo causar atraso na entrega, deficiência na quantidade esperada, ou até mesmo, um produto com qualidade abaixo do esperado.

Os gargalos são todos os obstáculos que limitam ou atrasam qualquer uma das etapas do sistema produtivo. Eles afetam diretamente na qualidade e quantidade do produto, além de gerar desperdícios e prejuízo ao negócio. Se o gargalo já existe na sua produção é necessário que ele seja encontrado e resolvido, antes que gerem ainda mais custos extras. Conheça os principais gargalos que encarecem os custos da produção e saiba como acabar com eles.

Como evitar?

O melhor remédio é sempre a prevenção, inclusive para os negócios. Lidar com os gargalos somente quando eles são um problema gera gastos desnecessários e desperdícios. A melhor forma de lidar com estes obstáculos é evitando que eles aconteçam no seu sistema produtivo. Vamos saber como?

  1. Faça um mapeamento dos processos

Basicamente, qualquer etapa da produção pode sofrer com os gargalos. Contudo, não são todas que impactam tão diretamente no produto final ou financeiro da empresa. Sendo assim, antes de sair tentando resolver todos os obstáculos de uma vez, tire um tempo para mapear todo o seu processo. Depois, identifique todos os gargalos e os classifique em ordem decrescente de acordo com a gravidade de seus problemas.

Uma das formas que podem ajudar você a evitar os gargalos são as decisões assertivas. Para ajudar nisso, temos um e-book para você explicando como fazer uma boa projeção de fluxo de caixa, fornecendo liberdade para as decisões:

  1. Encontre o problema

Para encontrar os gargalos durante o seu mapeamento, converse com os envolvidos de cada fase do processo. Quem está vivendo o dia a dia da produção está por dentro de tudo que está acontecendo e é capaz de definir o que vem dando certo ou não.

  1. Realize um brainstorm com as equipes

Somente encontrar os gargalos não é o suficiente, também é necessário descobrir qual é a causa de cada um deles. Para isso, reúna a equipe responsável por cada etapa e realize um brainstorm. Desta forma, são encontradas diversas soluções para um único problema, afinal cada um tem a sua visão e expertise. Quem realiza as atividades diariamente na produção pode trazer uma visão mais assertiva do problema e de como resolvê-lo. Além de levantar o astral do time e valorizar o funcionário.

  1. Invista na equipe

Uma das causas dos gargalos pode ser o erro humano. Para isto não acontecer mais, invista no treinamento da sua equipe, seja com cursos, palestras ou workshops. Este vai ser um dinheiro bem gasto e com um bom retorno para sua empresa.

  1. Elabore um plano de ação

Assim que os gargalos forem encontrados, assim como as suas causas, é a hora do próximo passo: elaborar um plano de ação com as mudanças necessárias para eliminar e evitar as falhas. Não se esqueça que cada obstáculo tem a sua solução específica, então os classifique pela ordem de urgência e elimine um por um.

  1. Seja eficaz

Depois que as mudanças propostas forem aceitas é necessário implementá-las rapidamente. Estas ações corretivas precisam ser constantemente analisadas e passadas de forma correta para os colaboradores envolvidos no obstáculo.

  1. (Re) avalie as ações corretivas

As mudanças começaram, então já podemos relaxar, certo? Não! Durante o processo de ação corretiva é essencial que haja uma análise detalhada de seus efeitos e, se necessário, um complemento para garantir sua eficácia.

Esta avaliação constante previne futuros gargalos, além de garantir que os objetivos estão sendo cumpridos.

  1. Monitore seus resultados

Os gargalos atuais foram eliminados, agora é hora de monitorar de perto os resultados e impedir que estes obstáculos voltem a acontecer.

  1. Automatização pode ser a solução

A automatização é uma grande aliada da redução de custos, otimização de processos, integração de áreas e eliminação de erros na produção. Softwares de gestão, como o Sistema ERP, apresentam diversos benefícios para o sistema produtivo, como:

  • Cadastramento de produtos: o gestor fica por dentro de exatamente todo o processo, com acesso ao estoque, produtos em andamento, os finalizados e os que estão para entrega.
  • Planejamento: com a automatização, o planejamento de produção solicitados pela demanda nunca mais vai dar errado. Desta forma, a empresa evita atraso nas entregas, erros na quantidade de mercadoria e desperdício com estoque parado.
  • Organização: saiba exatamente todas as ferramentas e materiais necessários que a sua produção precisa com a organização de um Sistema ERP. Nunca mais a sua empresa vai sofrer com atraso na produção.
  • Autorização: com a integração entre os setores da empresa, o software de gestão permite a visualização dos responsáveis por determinada tarefa, assim como, a inclusão de comentários. Desse jeito, fica mais fácil entender quando há alteração, suspensão, complementação ou autorização de determinada ordem.

 

Conte para a gente se você conhece outras formas de como evitar gargalos na produção. Gostou das dicas de hoje? Então, venha conhecer o nosso blog e fique por dentro de outras informações essenciais para o seu negócio.

Assine nossa Newsletter e fique por dentro de nossas novidades